No Paraná, Hospital de Ponta Grossa realiza primeiro implante de ouvido biônico

No Paraná, Hospital de Ponta Grossa realiza primeiro implante de ouvido biônico
Equipe do Hospital Unimed em Ponta Grossa (PR). Foto: Assessoria da Unimed

Nesta última quinta-feira (09), o Hospital Geral Unimed (HGU) realizou o primeiro implante coclear de Ponta Grossa, que durou cerca de quatro horas.

O aparelho é popularmente conhecido como ouvido biônico e o procedimento é indicado para pacientes com perda auditiva severa e profunda bilateral. O dispositivo eletrônico substitui, parcialmente, as células do ouvido interno, transformando sons em estímulos elétricos, que são enviados diretamente para o nervo auditivo.

Para a realização desse tipo de cirurgia, é necessário a disponibilidade de tecnologia e de equipe. “Envolve uma equipe muito grande, tecnologia e é uma cirurgia delicada. Envolve um conjunto muito grande de fatores, até que pudéssemos ter tudo isso reunido para fazer a cirurgia aqui na cidade”, explica João Eduardo Maestri, cirurgião responsável pelo procedimento.

De acordo com ele, o implante coclear vai permitir melhorar a qualidade de vida do paciente. “Mesmo com o uso de aparelhos auditivos bem regulados, muitas vezes, ele conseguia escutar, mas não entendia o som. Com o implante, ele vai poder escutar melhor, compreender melhor. É um grande ganho para a comunidade ter a disponibilidade de um serviço desse aqui em Ponta Grossa”.

Além de Maestri, dos profissionais de enfermagem e da instrumentadora, a equipe que também participou do procedimento foi composta pelo otorrinolaringologista André Ataíde, de Curitiba; pelo neurocirurgião Romero de Castro Vieira; pelo anestesista Marino Berardi e pelas fonoaudiólogas Natália Molina e Thaís Trevisan.

Fonte: Agora1.info

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: