Brasil tem a sorte de ter o SUS, avalia diretor-geral do Sírio-Libanês

Brasil tem a sorte de ter o SUS, avalia diretor-geral do Sírio-Libanês

Ao longo do mês de março, o Brasil passou de um observador da crise do coronavírus a um país com mais de 4.000 casos confirmados. E, agora, tem cerca de duas semanas para agir antes que se veja o pico dos casos por aqui.

A avaliação é do cirurgião Paulo Chapchap, diretor-geral do Sírio-Libanês, um dos hospitais mais renomados do país e que, ao lado de outras instituições, pesquisa soluções médicas e políticas de saúde contra a Covid-19, em entrevista ao site da Exame.

Leia Mais: https://vermelho.org.br/2020/03/31/brasil-tem-a-sorte-de-ter-o-sus-avalia-diretor-geral-do-sirio-libanes/?fbclid=IwAR0dyqheXa1cquWeUhXCCC4w5g3_B9ZPb6D2101GTqof9ATYUZ7QYB6JMD4

Auto Escola Prudente
Sindicato dos Médicos do RN
Restaurante Charque Potiguar
Oftalmoclínica de Natal
Richplan-Consultoria em Gestão e Treinamentos
Pedro Neto Acessórios
Clínica da Família

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: