FUNCIONÁRIOS DE HOSPITAL DE CAMPANHA NO RIO DENUNCIAM RETIRADA DE RESPIRADORES

FUNCIONÁRIOS DE HOSPITAL DE CAMPANHA NO RIO DENUNCIAM RETIRADA DE RESPIRADORES

Com apenas uma semana de funcionamento, o hospital de campanha do Maracanã, no Rio de Janeiro, é alvo de mais uma denúncia. Segundo funcionários, ao menos 20 respiradores da unidade foram retirados do local para serem usados em outro hospital de campanha, em São Gonçalo. 

Eles dizem que pacientes internados estavam utilizando os aparelhos que foram trocados por outros mais velhos. A unidade havia recebido 29 respiradores recentemente.Durante a semana, técnicos de enfermagem também mostraram as péssimas condições da sala de repouso improvisada nos corredores do estádio. Colchões foram colocados no chão, sem qualquer estrutura.

A organização social que administra a unidade informou que a denúncia não é verdadeira e que todos os leitos têm respiradores. A Secretaria Estadual de Saúde informou que vai apurar o caso. 

Leia Mais:https://www.sbt.com.br/jornalismo/sbt-brasil/noticia/141810-funcionarios-de-hospital-de-campanha-no-rio-denunciam-retirada-de-respiradores

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: