Cabeleireiros com coronavírus expõem 140 pessoas à doença em salão nos EUA

Após a reabertura dos salões de beleza, um cabeleireiro com coronavírus e assintomático trabalhou por oito dias e expôs cerca de 91 pessoas — desde clientes e seus colegas de trabalho — à doença mesmo com a utilização de máscaras no local.

Dois dias depois de seu afastamento, um de seus colegas também testou positivo para a doença e aumentou o número de exposição para, pelo menos, 140 pessoas. O caso ocorreu em um salão de beleza no Missouri, nos Estados Unidos.

Leia Mais:https://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2020/05/25/salao-missouri-coronavirus-eua.htm

Deixe um comentário