Autotestes de Covid começam a ser vendidos em farmácias de Natal

Autotestes de Covid começam a ser vendidos em farmácias de Natal
Autoteste de Covid em Natal (RN) em farmácia Rio Grande do Norte. — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi/via G1 RN
Autoteste de Covid em Natal (RN) em farmácia Rio Grande do Norte. — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi/via G1 RN

As farmácias em Natal começaram a comercializar nesta semana os autotestes de Covid. O produto é autorizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) desde o janeiro e os laboratórios fornecedores são credenciados pelo Ministério da Saúde.

Os autotestes atuais que estão nas prateleiras são vendidos em média por R$ 59, valor cerca de R$ 30 mais barato que os testes que são realizados pelas próprias farmácias.

O produto vem com um o equipamento para o exame tipo Swab, semelhante ao teste rápido de antígeno das farmácias.

Autoteste de Covid em Natal (RN) em farmácia Rio Grande do Norte. — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi/via G1 RN
Autoteste de Covid em Natal (RN) em farmácia Rio Grande do Norte. — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi/via G1 RN

Após ser adquirido, ele pode ser feito em casa, sem a necessidade de um profissional. O produto vem com um cotonete para coleta nasal/bucal, e uma solução que vai indicar se há presença do vírus.

Como o teste é feito em casa, a recomendação é que caso ele dê positivo, o paciente procure uma unidade de saúde ou laboratório para realizar um novo teste comprovando o resultado, o que também vai notificar às secretarias de saúde para o monitoramento dos casos.

“Ele é indicado para clientes e pacientes com 1 a 7 dias de sintomas. E indicado também para clientes assintomáticos que tiveram contato com alguém infectado a partir do quinto dia”, explicou a farmacêutica Marília Gabriela.

Para comprar o teste, não é necessária solicitação médica.

“Não é necessária a indicação médica, nem receituário. É mais um teste controle, pra se fazer em casos de evento de família. Quanto mais rápido a população souber o diagnóstico, por mais que não seja um diagnóstico tão certo como o feito em laboratório, mas ele consegue que seja iniciado o tratamento para evitar danos futuros”, explicou o gerente de farmácia Franklin Ferreira.

Fonte: G1 RN.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: