Sesap e gestores municipais se reúnem para discutir D5 em idosos e aumento da cobertura vacinal no RN

Diante da necessidade de controlar o aumento de casos de Covid-19 no Rio Grande do Norte, a Secretaria de Saúde do Estado (Sesap/RN), vai se reunir nesta quinta-feira (17), com os gestores municipais de saúde para discutir a aplicação da quinta dose de reforço (D5) em idosos a partir de 80 anos, a intensificação da imunização com D3 e D4 e o lançamento do projeto de vacinação no ambiente de trabalho. A informação foi confirmada à TRIBUNA DO NORTE pela Coordenadora de Vigilância em Saúde da Sesap, Kelly Lima. 

Nesta quarta-feira (16), a Sesap encaminhou uma nota técnica orientando os municípios potiguares a realizarem a vacinação em idosos a partir de 80 anos com a D5, tendo como base o estoque de doses disponível em cada cidade e o intervalo de 6 meses após a aplicação da D4, nesse público. Segundo a coordenadora de Vigilância em Saúde, a nota foi realizada junto ao Conselho de Secretários Municipais de Saúde que acatou e está ciente da decisão. 
 
A expectativa, ainda, é  que os idosos sejam imunizados em suas residências, devido às dificuldades de mobilidade que são enfrentadas nessa fase da vida. Segundo Kelly Lima, em geral, os municípios apontam disponibilidade para iniciar a vacinação com a D5, mas a Sesap vai estar à disposição daqueles que apresentaram insuficiência na disponibilidade conforme o estoque do Estado. Até o momento, Natal não se posicionou junto à Secretaria sobre a disponibilidade da capital.
 
A coordenadora de Vigilância em Saúde também chama atenção para o déficit na vacinação dos adultos jovens, correspondente à faixa-etária de 20 a 49 anos de idade, com a D3 e a D4. Para auxiliar na imunização desse público, um projeto foi pensado junto às secretarias municipais de saúde para efetivar a vacinação nos postos de trabalho. A iniciativa será inaugurada nesta sexta-feira (18), na Escola de Governo do RN, onde deve ser instalado um posto de vacinação para os servidores e demais pessoas que estiveram circulando no Centro Administrativo. 
 
Vacinação de crianças de 6 meses a 2 anos
 
Na última semana, a Sesap recebeu 17 mil doses da vacina Pfizer Baby, voltada à vacinação de  crianças de 6 meses a 2 anos. Com a baixa quantidade de doses, a imunização prioriza a aplicação com a D1, D2 e D3 em crianças com comorbidades como cardiopatia, sequelas pulmonares ou algum tipo de síndrome de paralisia cerebral, dada a maior vulnerabilidade desse público. 
 
De acordo com o órgão, Natal é o município que mais recebeu doses, somando pouco mais de mil para a cobertura do público-alvo. Segundo a Sesap, os municípios da região Metropolitana são os responsáveis por buscar as doses na UNICAT, diferente do que ocorre com outros municípios em que as doses são distribuídas pelo Estado para as Unidades regionais. A Sesap está aguardando que as doses sejam buscadas pela Prefeitura de Natal para que seja iniciada a vacinação nas crianças. 
 
A reportagem da TRIBUNA DO NORTE entrou em contato com a Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS) para saber sobre a disponibilidade de doses para a efetivação da D5 na capital, mas não obteve resposta até o fechamento deste texto. 
Fonte: Tribuna do norte
http://www.tribunadonorte.com.br/noticia/sesap-e-gestores-municipais-se-reaonem-para-discutir-d5-em-idosos-e-aumento-da-cobertura-vacinal-no-rn/551598

Deixe um comentário