Natal amplia aplicação da vacina bivalente contra a Covid-19 para gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde

Natal amplia aplicação da vacina bivalente contra a Covid-19 para gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde
Natal amplia aplicação da vacina bivalente contra a Covid-19 para gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde. — Foto: Freepik
Natal amplia aplicação da vacina bivalente contra a Covid-19 para gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde. — Foto: Freepik

A Secretaria Municipal de Saúde de Natal inicia na próxima segunda-feira (13) a terceira fase da aplicação da vacina bivalente contra a Covid. Nesta fase, o imunizante contempla gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde.

Pode tomar a vacina quem tiver concluído no mínimo o esquema básico D1 e D2. A vacina bivalente poderá ser aplicada quatro meses após a última dose.

A SMS Natal esclarece que as pessoas contempladas das 1ª e 2ª fases também podem ser vacinadas, que são: idosos a partir de 70 anos; pessoas de Instituições de Longa Permanência (ILPs); Residência Inclusiva (RI); trabalhadores destas instituições; e imunossuprimidos a partir de 12 anos; idosos a partir de 60 anos; comunidades ribeirinhas, quilombolas e indígenas.

Confira os locais de vacinação:

  • Unidades Básicas de Saúde (UBS), de segunda-feira a sexta-feira, no horário das 8h às 12 e de 13h às 15h
  • Pontos extras do Midway Mall, Via Direta e Partage Norte Shopping, de segunda-feira a sábado, das 14h às 20h.
  • Parque das Dunas, de segunda a sábado, das 9h às 16h, somente neste mês de março.

As pessoas que receberem a dose de reforço da vacina bivalente terão seu esquema vacinal encerrado. Assim como, os idosos e imunossuprimidos que já receberam a terceira dose de reforço (D5), também terão seus esquemas encerrados após a dose de reforço com a Pfizer bivalente.

Para as pessoas fora do grupo de prioridade permanecerá a vacinação já utilizada para reforços da Oxford e Pfizer monovalente. Para todos os reforços, o intervalo permanece o mesmo de quatro meses da última dose.

Fonte: G1 RN.

Deixe um comentário