A aliados, Mandetta diz que ‘médico não abandona paciente’

BRASÍLIA — As críticas públicas do presidente Jair Bolsonaro de que estaria “faltando humildade” ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, não devem levá-lo a pedir demissão do cargo por enquanto. A aliados, o ministro tem garantido que seguirá a postura de “médico que não abandona o paciente”, permanecerá “trabalhando” para “salvar o maior números de vidas que conseguir” e só deixará o Ministério da Saúde se Bolsonaro o demitir. Já após a crise, Mandetta tem dito que deve rever seus rumos. Nesta sexta-feira, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, afirmou que o ministro tem total apoio do Congresso.

Leia Mais: https://oglobo.globo.com/brasil/a-aliados-mandetta-diz-que-medico-nao-abandona-paciente-1-24348809?utm_source=Facebook&utm_medium=Social&utm_campaign=O%20Globo

Deixe um comentário